Arquivo da categoria ‘cultura’


UFPE 3 mauricio-de-nassau
UFPE x Maurício de Nassau: a melhor e a pior de Pernambuco

Os resultados divulgados ontem pelo MEC para as instituições de ensino superior mostram bem a face das universidades e faculdades no Brasil.

Na verdade não há muita novidade no que foi divulgado. Era o esperado, depois da mercantilização do ensino que se instalou no país.

Como deixaram o “mercado” regular a qualidade das universidades e faculdades, nada melhor do que um belo ranking para que os estudantes saibam onde estudar.

Vamos aos fatos.

Entre as 10 melhores universidades do país, apenas uma não é pública: a PUC do Rio de Janeiro. Na prática é uma das poucas instituições privadas que possui pesquisa de qualidade.

Das quatro universidades daqui, a UFPE é a primeira (23a. do país, com 353 pontos), seguida da UFRPE (73o, com 272 pontos), da UNICAP (84a., com 263 pontos), e da UPE (132a., com 224 pontos). O universo foi de 172 universidades pesquisadas.

O CEFET, que é um Centro Universitário, ficou com 324 pontos, atrás apenas da UFPE, se considerarmos na listagem com as universidades.

Entre as faculdades e cursos isolados, em um total de 1.526 instituições, o que chamou a atenção foi a colocação da Maurício de Nassau. Foi a quarta pior instituição do país, com apenas 85 pontos. Conseguiu ficar atrás de instituições que ninguém conhece, como a Faculdade Decisão, a FAJOLCA, a FABEJA e a FAFOPAI.

PS: A Faculdade Maurício de Nassau entrou em contato com o blog, explicando as razões (convincentes) para o baixo resultado. Veja aqui.

A melhor instituição desse grupo em Pernambuco foi a Faculdade Marista, com 348 pontos. As notas das faculdades isoladas de Pernambuco não foram ruins, ao contrário do que muitos podem pensar.

As 10 melhores de Pernambuco foram:

  1. Faculdade Marista – 343 pontos
  2. Instituto Salesiano de Filosofia – 311
  3. Faculdade do Agreste de Pernambuco – 303
  4. Faculdade Santa Maria – 297
  5. Faculdade de Direito de Caruaru – 283
  6. Instituto Superior de Educação de Floresta – 279
  7. Faculdades Integradas da Vitória de Santo Antão – 252
  8. Faculdade Boa Viagem – 246
  9. Faculdade de Enfermagem de Arcoverde – 245
  10. Faculdade de Ciências Aplicadas e Sociais de Petrolina – 241

Para quem deseja os resultados detalhados, a melhor opção é ir ao site do INEP e baixar a planilha do IGC. Lá também estão os detalhes da metodologia da pesquisa oficial do MEC.

Abaixo vai apenas a colocação completa das instituições avaliadas em Pernambuco.

  1. Faculdade Marista
  2. Instituto Salesiano de Filosofia
  3. Faculdade do Agreste de Pernambuco
  4. Faculdade Santa Maria
  5. Faculdade de Direito de Caruaru
  6. Instituto Superior de Educação de Floresta
  7. Faculdades Integradas da Vitória de Santo Antão
  8. Faculdade Boa Viagem
  9. Faculdade de Enfermagem de Arcoverde
  10. Faculdade de Ciências Aplicadas e Sociais de Petrolina
  11. Faculdade de Filosofia Ciências e Letras de Caruaru
  12. Faculdades Integradas Barros Melo
  13. Faculdade de Enfermagem de Belo Jardim
  14. Faculdade Integrada do Recife
  15. Faculdade de Ciências Humanas de Olinda
  16. Instituto Superior de Educação de Pesqueira
  17. Focca – Faculdade de Olinda
  18. Centro de Ensino Superior do Vale São Francisco
  19. Faculdade Santa Helena
  20. Faculdade de Ciências Humanas do Sertão Central
  21. Faculdade de Odontologia do Recife
  22. Faculdade Frassinetti do Recife
  23. Instituto Pernambuco de Ensino e Cultura
  24. Faculdade de Arquitetura e Urbanismo de Pernambuco
  25. Faculdade do Vale do Ipojuca
  26. Faculdade Integrada de Pernambuco
  27. Faculdade Metropolitana da Grande Recife
  28. Faculdade Salesiana do Nordeste
  29. Faculdade dos Guararapes
  30. Centro de Ensino Superior de Arcoverde
  31. Faculdade de Ciências de Timbaúba
  32. Faculdade de Odontologia de Caruaru
  33. Instituto Pernambucano de Ensino Superior
  34. Escola Superior de Marketing
  35. Escola Superior de Relações Públicas
  36. Faculdade de Ciências Contábeis de Recife
  37. Faculdade de Formação de Professores de Araripina
  38. Faculdade de Ciências da Administração do Limoeiro
  39. Faculdade da Escada
  40. Faculdade Escritor Osman da Costa Lins
  41. Instituto de Ensino Superior de Piedade
  42. União de Escolas Superiores da Funeso
  43. Faculdade de Ciências da Administração de Garanhuns
  44. Faculdade de Ciências Humanas de Pernambuco
  45. Faculdade Européia de Administração e Marketing
  46. Faculdade de Educação Superior de Timbaúba
  47. Faculdade de Formação de Professores de Belo Jardim
  48. Faculdade de Formação de Professores de Afogados da Ingazeira
  49. Faculdade José Lacerda Filho de Ciências Aplicadas
  50. Faculdade de Formação de Professores da Mata Sul
  51. Faculdade de Formação de Professores de Goiana
  52. Faculdade de Ciências Humanas Esuda
  53. Faculdade de Ciências Humanas e Sociais de Igarassu
  54. Faculdade Decisão
  55. Faculdade Luso-Brasileira
  56. Instituto de Ensino Superior de Olinda
  57. Faculdade Maurício de Nassau

Do JC OnLine

No mês de férias, a Praça de Eventos do Shopping Guararapes traz cinco atrações para a garotada. Até o dia 3 de fevereiro, o centro comercial estará com a programação Férias Radicais, com trampolim, tobogãs, quiosque de tatuagem e cama elástica.

O trampolim Eurobungy, desenvolvido na Alemanha para melhorar os saltos da equipe de ginástica olímpica, é uma das atrações da programação, que conta ainda com o Tobogã Onda de Fogo. O brinquedo inflável tem seis metros de altura e é ideal para crianças entre 4 e 12 anos.

No Quiosque Tattoo, a meninada poderá fazer tatuagens coloridas com produto importado. As Férias Radicais também terão uma das brincadeiras preferidas da criançada – a cama elástica. Os brinquedos funcionam de segunda a sábado, das 10h às 22h; e aos domingos, das 12h às 20h. Os ingressos custam de R$ 3 a R$ 7.

SERVIÇO
Férias Radicais no Shopping Guararapes
Quando: de 8 de janeiro a 3 de fevereiro
Horário:  De segunda a sábado, das 10h às 22h, e aos domingos, das 12h às 20h
Local: Praça de Eventos
Ingressos: variam de R$ 3,00 a R$ 7,00

Fonte: http://jc.uol.com.br/2008/01/08/not_158435.php

Três lições de tolerância

Publicado: outubro 31, 2007 em cultura

O Estado de S. Paulo – 27/10/2007
O jornal Estado de S. Paulo publicou no último sábado (27/10) três reportagens sobre livros que contém o assunto “tolerância”. O albanês fala de Uma questão de loucura (Companhia das Letras, 80 pp., R$ 28), em que um menino perde a inocência diante do tio suicida. O irlandês John Boyne avalia O menino do pijama listrado (Companhia das Letras, 190 pp., R$ 31), sobre o filho de 9 anos de um comandante nazista. E a norueguesa Asne Seierstad analisa o caldeirão étnico da ex- Iugoslávia, em De costas para o mundo (Record, 400 pp., R$ 46).

Felicidade Paradoxal, A

Publicado: outubro 31, 2007 em cultura


Lipovetsky, Gilles
Machado, Maria Lucia
O consumo traz felicidade? Tentando entender a ambigüidade de uma época em que a felicidade é valor máximo, mas carrega consigo inúmeras aflições do espírito, Lipovetsky cria a tese de que, na sociedade de hiperconsumo, essa felicidade é paradoxal. De um lado, estão dadas as condições para que as aspirações individuais sejam satisfeitas pelo mercado; de outro, também estão postos os obstáculos que se contrapõem à postura hedonista do indivíduo contemporâneo. O hiperconsumidor tem acesso ao ter, mas aspira a ser; os mais diversos prazeres sensoriais estão ao seu alcance, mas é preciso preservar a saúde, evitar os excessos, fazer regime, manter a forma. O que Lipovetsky propõe é a reavaliação da formação do indivíduo, com vistas ao fortalecimento da autonomia e da crítica, para que se possa resistir à sedução feérica da publicidade e do espetáculo.
Gilles Lipovetsky nasceu em 1944, em Millau, na França. Alguns dos seus livros lançados são ‘O império do efêmero’ (1989) e ‘A terceira mulher’ (2000).

Fonte:  http://www.verdestrigos.org